Ponto onde convergem as minhas emoções, postas em verso, ou prosa, degrau onde coloco o que sinto e o que desejo e que poderei, talvez, partilhar com os meus amigos.

Saturday, March 21, 2009

DIA MUNDIAL DA POESIA!


NÃO TE AMO como se fosses rosa de sal, topázio
ou flecha de cravos que propagam o fogo:
amo-te como se amam certas coisas obscuras,
secretamente, entre a sombra e a alma.

Amo-te como a planta que não floresce e leva
dentro de si, oculta, a luz daquelas flores,
e graças ao teu amor vive escuro no meu corpo
o apertado aroma que ascendeu da terra.

Amo-te sem saber como, nem quando, nem onde,
Amo-te directamente sem problemas nem orgulho:
Assim, amo-te, porque não sei amar de outra maneira,

senão assim deste modo em que não sou nem és,
tão perto que tua mão sobre meu peito é minha,
tão perto que se fecham os teus olhos com o meu sonho.

(Pablo Neruda)

3 Comments:

Blogger Vieira Calado said...

Obrigado pela partilha.

Beijihnos daqui.

10:53 AM

 
Blogger meus instantes e momentos said...

belo post. Lindo teu blog. Gostei daqui,
Maurizio

1:56 AM

 
Blogger Luciano said...

Dia mundial do sonho.

7:17 AM

 

Post a Comment

<< Home

 
<BGSOUND SRC="music.mid" LOOP="INFINITE">